A periodontite é caracterizada por uma inflamação gengival com formação de bolsa e pode até acontecer uma perda óssea de acordo com o agravamento da doença. Em casos graves pode ocorrer a mobilidade do dente e em extremos a migração. Normalmente, ela atinge quase todos os dentes e possui uma progressão lenta.
 
Mas, em algumas situações sua manifestação acontece de forma mais rápida, que é mais comum em pessoas que estão entrando na puberdade até a idade adulta. Bolsas profundas e perda óssea rápida são características desse tipo de periodontite. O agente causador é a placa bacteriana, que pode se acumular na superfície do esmalte dentário e no sulco da gengiva. Essa condição evolui para uma inflamação gengival e compromete as fibras e os tecidos que suportam os dentes. 

O tratamento para as doenças periodontais é feito através do controle da infecção e da remoção da placa que possui os germes nocivos. Para remover a placa o melhor método é a raspagem. Com essa técnica também podem ser retiradas a placa endurecida (tártaro), tecidos de granulação e as toxinas da gengiva.

Outra opção é o alisamento da raiz do dente, que elimina os pontos de acúmulo de germes, deixando a gengiva mais aderida ao dente. O uso do líquido para higiene bucal com clorhexidine também é uma boa opção. Antibióticos também podem ser prescritos para eliminar os causadores da periodontite.

Caso os procedimentos não sejam suficientes, uma cirurgia pode ser necessária. Ela consiste no levantamento da gengiva, removendo o tártaro e finalizando com uma sutura. Em casos mais extremos em que o dente não pode ser salvo, a colocação de uma prótese ou de um implante podem ser boas opções.

Palavras-chave:periodontite, inflamação gengival, manifestação, doenças periodontais, cirurgia, infecção, gengiva, placa bacteriana


IMPLANTE DENTAL FB

 

 

 

Estética Dental

Implante Dentário